São Paulo [SP], 2016.
Formado em 2016 pelos fotógrafos Gui Christ e Gabi Di Bella o coletivo Gringo é um projeto transmídia documental que busca contar histórias de realidades próximas, porém desconhecidas, e através do uso de novas narrativas visuais mesclando arte, storytelling e jornalismo, debater questões sociais, econômicas e ambientais no Brasil e América Latina. “Marrocos” é o primeiro projeto do coletivo, e ainda recente, já recebeu o 1º Prêmio Fotolivro da DOC Galeria, foi finalista no Prêmio Diário Contemporâneo e Prêmio Nacional de Fotografia Pierre Verger. Ainda foi selecionado para a 7ª edição do Foto em Pauta de Tiradentes, seleção do Magnum 70th Rio, PhotoEspaña – Descubrimientos PHE2018 e foi eleita pela revista European Photography um dos 100 melhores ensaios documentais de 2016.

São Paulo [SP], 2016.
Formed in 2016 by the photographers Gui Christ and Gabi Di Bella, Gringo is a multi-disciplinary documental project that searchs for stories of upcoming but unknown realities and through the use of new visual narratives mixing art, storytelling and journalism, debates social economic and environmental issues in Brazil and Latin America. “Marrocos” , Gringo’s first project, despite recent, has already won several awards as the 1st DOC Gallery Photobook Award, and was shortlisted on “Diário Contemporâneo” and the Pierre Verger Photography Award. Was also selected for the 7th edition of the Tiradentes PhotoFestival, Magnum 70º Rio Review and PhotoEspaña – Descubrimientos PHE2018 and pointed as one of the 100 best documentary projects by European Photography Magazine.

LINKS: